terça-feira, dezembro 14, 2004

Reencontro

"Um reencontro é uma oportunidade mágica que nunca deveríamos desperdiçar. É quando encontramos uma pessoa ou várias pessoas e descobrimos que esperávamos por ela ou por elas desde que nascemos. É magia, eletricidade, coincidência... mais do que coincidência, é um sinal, uma indicação, uma intuição que vem direto do coração. Sabia reconhecer que o universo aproxima você de alguém especial".
Livro Falando de Amor com Patricia Gebrim.

Se em vários momentos da vida
Tivessemos a oportunidade de reencontrar
pessoas que na nossa trajetória
Ficaram no caminho esquecidas
Mas que nunca adormecidas
Como seríamos felizes?

Se em vários momentos da vida
Tivessemos a oportunidade de reviver
histórias, sonhos e delícias
que um dia ficaram esquecidas
Mas nunca adormecidas
Como seríamos felizes?

Se em vários momentos da vida
Tivessemos momentos em que
pudessemos reconhecer o quanto felizes somos
por rever cada amigo que conquistamos
Nossa como somos felizes!

E a palavra SAUDADE
que em cada reencontro vai perdendo a idade
Tornaria-se doce como um favo de mel
Se transfomaria no começo
de mais uma história
de mais um reencontro
de mais um momento da vida
com pessoas cada dia mais amadas
Mais admiradas
Mais ligadas

Não importa distância
O que há é uma aliança
De paz
De amizade
De companheirismo
De AMOR

3 comentários:

Cuca disse...

Oi Stela....lindo seu post...soh nos mesmo sabemo o que escrever na hora certa e no momento certo. Te admiro muito, mesmo sendo meio cabecuda de vez em quando, quase sempre!!!
E vê se passa no meu flog, vc e todos que passam por aki...
Bjos

www.claudiocuca.flogbrasil.com.br

Anônimo disse...

Stelinha,
num momento de mudanças como a gente tem visto à nossa volta (e quantas e radicais), é preciso lembrar que separação e afastamento são coisas muito diferentes. Porque a vida nos afasta de gente que amamos (talvez nos afaste definitivamente, quem pode saber...), mas não consegue nos separar daqueles que amamos e queremos amar. Mesmo distantes. Mesmo para além de montanhas e mares. Só o amor - com sua chama não alimentada, com seu canteiro não cuidado - pode nos separar de alguém.
Um beijo e fica com Deus, irmãzinha.
Coelho

Anônimo disse...

Saudade, Stelinha
Palavra q para meus amigos queridos do Chile era desconhecida mas hoje eles sentem profundamente.
Assim como a vida afasta quem amamos ela dá um jeito de reaproximarmos e, foi assim com a Nana e todos de Pira, incluindo Du, Adriano e Tainha...
Por isso amo a Deus acima de tudo e só isso não me faz desistir pois quando parece que a vida está parada a vida nos dá uma grande, imensa alegria.
E a maior q eu tive foi reencontrar a Nana
Deus criou a vida, a alegria e a saudade
Deus abençoe a todos
Nana, Tata, Fla, Edi, Elmar, Ze, Ro, Ju, Aninha, Du, Adri, Tainha...VCS SAO OS MELHORES MORANGOS DA MINHA VIDA

E VC É O MELHOR MORANGO QUE DEUS ME DEU
DESCULPE SE AS VEZES MACHUQUEI MEU MORANGO
BJS
LINA