terça-feira, setembro 20, 2005

O que você quer para você?

Sou muito indecisa nas minhas coisas. Tenho medo de tomar decisões e me arrepender então fiz este poema. Em homenagem ou sacrificio... uma decisão dificil de responder.

Quer um carro do ano
ou um carro usado
Quer uma carreira
ou quer um trabalho
Quer um namorado
ou quer um ficante
Quer ser útil
ou ter uma idéia mirabolante.

Quer ser feliz
ou ter momentos felizes
Quer alternar de companhias
ou quer ser a sua própria
Quer viver magias
ou quer antecipar as agonias
Quer mudar todo o mundo
ou quer que o mundo mude você

Quer dizer sim
ou quer dizer não
Quer dizer talvez
ou por enquanto
Quer ter tempo a mais
ou a menos
Quer se aventurar radicalmente
ou viver tranqüilamente

Quer olhar para os olhos dos outros
ou ligar somente para o seu
Quer ser autentico
ou participar de um grupo
Quer usar máscara
ou tira-la
Quer ser único
ou pertencer a uma multidão

Quer ir para frente
ou ir para trás
Quer continuar
ou recomeçar
Quer envelhecer
ou rejuvenescer
Quer andar
ou simplesmente parar
Quer acordar
ou prefere dormir
zzzzzzzzzzzzzzzz Indecisão zzzzzzzzzzzzzzzz

4 comentários:

Coelho disse...

Seu texto me fez lembrar de outras duas poesias: Cecília Meirelles (ou isto ou aquilo) e Beto Guedes (o medo de amar é o medo de ser livre).
É sempre mais fácil esperar que os outros (ou as circunstâncias) decidam o que nós mesmos devemos decidir. Mas, ao escolher certas coisas, escolhemos a nós mesmos, nos tornamos mais nós mesmos, nos definimos...

L.M. disse...

Stela, gostaria de saber qual é o dilema que vc está vivendo que te levou a escrever esse poema. Toda nossa vida é um dilema, da hora em que acordamos à hora que vamos dormir temos que tomar decisões e a melhor maneira de toma-las é por levar em conta tudo e todos ao nosso redor, pense em como sua decisão se refletira no futuro não apenas no que ela realizará no
presente. Assim quando lá na frente vc for meditar sobre uma decisão tomada, não se arrependerá porque não terá sido nada precipitado mas algo bem pensado. Acho que a melhor maneira de tomar uma decisão s/ se arrepender é pensar na consequencia dela sobre vc e tb sobre outro. Apesar da dificuldade é melhor nós mesmos tomarmos a decisão do que nos encostar deixar que as circunstâncias decidam por nós. Essa seria uma boa maneira p/ se arrepender depois...

Obs.: apesar da dica através das iniciais, quero ver se vc descobre de quem é o comentário!
Aguardo contato!

Cuca disse...

Oi Cabeção...vc sempre neh...nas suas indecisões...nunca sabe se o que vai fazer tah certo ou não neh...ai depois que faz....ainda se pergunta se o que fez foi certo ou não. Bom de qq forma, sabe que pode contar neh...com o Cuca aki neh...bjossss

Anônimo disse...

Oi!

Estelinha..quero postar agora ou só na semana que vem? rs
A resposta depende de tantas variações...do momento, das oportunidades, das conseqüências de cada escolha...o que queremos?Será que não seria melhor nos perguntarmos: Por que queremos?Porque sempre desejamos, desejamos e desejamos qdo damos tão pouco... estamos sempre querendo: coisas, emoções, momentos...Qto mais queremos, menos entregamos.

bjos